O Tribunal Regional do Trabalho do Rio de Janeiro, que compreende a 1ª Região, vai divulgar a abertura de concurso público (Concurso TRT RJ 2017) ainda este ano. Acontece que em sessão realizada nesta quinta-feira, 06/04, foi aprovada a proposta da resolução administrativa que determina a realização de concurso público para provimento de cargos efetivos no Tribunal Regional do Trabalho do Rio de Janeiro.

As vagas serão destinadas aos cargos de técnico e analista judiciário, com requisito de nível médio e superior, respectivamente. A expectativa é que o concurso tenha 50 vagas, além de formação de cadastro reserva. As oportunidades serão destinadas as seguintes especialidades: analista judiciário – área judiciária; analista judiciário – área judiciária – especialidade: Oficial de Justiça Avaliador Federal; analista judiciário – área administrativa; analista judiciário – área apoio especializado – especialidade Enfermagem; técnico judiciário – área administrativa; técnico judiciário – área administrativa – especialidade Segurança; e técnico judiciário – área apoio especializado – especialidade Enfermagem.

O Presidente do órgão, desembargador Fernando Antonio Zorzenon, já havia informado em reunião com o Sindicato dos Servidores das Justiças Federais no Estado do Rio de Janeiro (Sisejufe), que o órgão conta com um déficit de 400 servidores. Em razão disso, há a pretensão de realizar o concurso TRT RJ 2017 para técnicos e analistas judiciários. A validade do último certame encerrará em 11 de junho.

E de acordo com a diretora de Gestão de Pessoas do TRT-RJ, Sônia Regina de Freitas Andrade, o órgão já iniciou o planejamento do novo concurso, visando a abertura de edital em breve. “Todos os esforços são para que o edital e as provas ocorram neste ano”, disse Sônia Regina Andrade. Lembrando que a comissão do concurso também foi formada nesta quinta-feira (06).

O Concurso TRT RJ 2017

A expectativa, conforme informou a diretora de Gestão de Pessoas do TRT-RJ, é que o concurso seja divulgado no segundo semestre. “Todos os esforços são para que o edital e as provas ocorram neste ano”, disse Sônia.

Salários do concurso

Além da tão sonhada estabilidade, os candidatos que ingressarão no órgão vão contar com excelentes salários e benefícios. De acordo com a Lei 13.317, sancionada em junho de 2016 pelo governo, serão reajustados o salário-base e gratificação de atividade judiciária (GAJ). Com o aumento, a remuneração base para Analista Judiciário, Áreas Judiciária, Administrativa e demais especialidades chegarão a R$ 11.007. Os candidatos ainda terão direito aos benefícios de auxílio-alimentação, saúde e natalidade, o que pode fazer o salário chegar a R$12mil.

Já para Técnico Judiciário, o salário chega a R$ 6.709, valor que ainda terá acréscimo dos benefícios (alimentação, saúde, natalidade), o que pode fazer o salário chegar a até R$ 7.893.

Sobre os cargos do Concurso TRT RJ 2017

Para concorrer ao cargo de Analista Judiciário – Área Judiciária, o candidato deverá ter diploma devidamente registrado, de curso de Graduação em Direito, reconhecido pelo Ministério da Educação (MEC). Já para Analista Judiciário, mas para Área Administrativa será necessário diploma devidamente registrado, de curso de Ensino Superior em qualquer área de formação , inclusive licenciatura plena, reconhecido pelo Ministério da Educação (MEC).

Por fim, o cargo de Técnico Judiciário – Área Administrativa será necessário certificado,   devidamente   registrado,de   conclusão   de   curso   de   ensino médio  (antigo  2º  grau)  ou  de  curso técnico    equivalente,    expedido    por Instituição de Ensino reconhecida pelo Ministério da Educação (MEC).

O Analista Judiciário – Área Judiciária tem missão de analisar petições e processos, confeccionar minutas de votos, emitir informações e pareceres; proceder a estudos e pesquisas na legislação, na jurisprudência e na doutrina pertinente para fundamentar a análise de processo e emissão de parecer; fornecer suporte técnico e administrativo aos magistrados, órgãos julgadores e unidades do Tribunal; inserir, atualizar e consultar informações em base de dados; verificar prazos processuais; atender ao público interno e externo; redigir, digitar e conferir expedientes diversos e executar outras atividades d e mesma natureza e grau de complexidade.

Já o Analista Judiciário – Área Administrativa terá que realizar tarefas relacionadas à administração de re cursos humanos, materiais, patrimoniais, orçamentá rios e financeiros, de desenvolvimento organizacional, licitações e contra tos, contadoria e auditoria; emitir informações e pareceres; elaborar, analisar e interpretar dados e demonstrativos; elaborar, implementar, acompanhar e avaliar projetos pertinentes à área de atuação; elaborar e aplicar instrumentos de acompanhamento, avaliação, pesquisa, controle e divulgação referentes aos projetos desenvolvidos; atender ao público interno e externo ; redigir, digitar e conferir expedientes diversos e executar outras atividades de mesma natureza e grau de complexidade.

Por fim, o cargo de Técnico Judiciário – Área Administrativo terá que prestar  apoio  técnico  e  administrativo  pertinente  às atribuições  das  unidades  organizacionais;  executar tarefas  de  apoio  à atividade judiciária; arquivar documentos; efetuar tarefas relacionadas à movimentação e à guarda de processos e documentos;atender ao público interno e externo; classificar e autuar processos; realizar estudos, pesquisas e rotinas administrativas; redigir,digitar e conferir expedientes diversos e executar outras atividades de mesma natureza e grau de complexidade.

Fonte: noticiasconcursos.com.br

 

Deixe seu Comentário.

Comentários